DETALHES DO GALPÃO QUE FAZEM A DIFERENÇA


Um dos pontos fundamentais para o sucesso na produção de ovos em sistemas caipiras encontra-se na infraestrutura adequada para criação das aves.


A construção do galpão exige adequações técnicas imprescindível para mitigar possíveis problemas associados a ambiência, sanidade, manejo, bem-estar animal, dentre outros.


Neste contexto, alguns detalhes da construção fazem a diferença, como:


1) Abaular os cantos do galpão: na natureza as aves são presas e nos sistemas de produção comportam-se como tal. Estão constantemente se refugiando de “possíveis predadores”, com este comportamento acabam se aglomerando nos cantos, levando a altas taxas de mortalidade por esmagamento. Abaular os cantos confunde as aves e evita aglomerações severas.





2) Porta de correr: importante dar preferência para portas que abrem para fora ou de forma lateral. Evitando-se assim possíveis fatores de estresse ao empurrar as aves nos momentos de entrada no galpão.




3) Beiral de 1 metro: O beiral tem uma função fundamental, relacionada ao controle da entrada da chuva. Beirais mais largos tendem a proteger melhor a parte interna do galpão.





4) Calçada em volta do galpão: Fazer uma calçada em volta do galpão melhora as condições higiênico-sanitárias do ambiente interno, evita problemas relacionados a construção e ao bem-estar animal.




1 comentário